domingo, 16 de julho de 2017

Ela retarda o envelhecimento combatendo os radicais livres e é rica em vitamina C

Amora silvestre (Rubus niveus Thunb)

Ela é o fruto de uma trepadeira espinhosa, a amoreira silvestre. Um dos usos culinários mais interessantes da amora silvestre é a geleia doce, que é muito benéfica para a saúde. Mas os benefícios e propriedades não surgem só do fruto, mas também das suas folhas, que são utilizadas para se fazer um chá rico em vitamina C, que é maravilhoso.



Benefícios e propriedades da amora silvestre

Combater radicais livres é algo essencial para prevenir alguns males para a saúde. Mas antes de tratar do que a amora silvestre pode fazer para preveni-los, vamos esclarecer rapidamente o que eles são e o que causam no organismo humano.

Radicais livres são grupos instáveis de átomos onde têm alguns elétrons desemparelhados. Estes elétrons, por não estabelecerem ligações, circulam pelo corpo buscando outras moléculas para se unirem, por isso o nome de “radicais livres”.

Em nosso organismo, os radicais livres resultam na queima do oxigênio pelas células, processo chamado de respiração celular. Embora sejam formados pelo metabolismo normal das células, esses radicais em grandes quantidades, podem provocar grandes danos, dentre eles o envelhecimento precoce, alguns tipos de cânceres e doenças cardíacas.

Seja em virtude de alimentação menos saudável, seja devido à atividade física muito intensa, especialmente se acompanhada de estresse, seja por causa das inúmeras poluições que nos cercam, os radicais livres dão um jeito de sobrarem e, como todo inconveniente num meio equilibrado, estragam a festa de nossa vida saudável. Se nossa alimentação, no entanto, contiver muitos antioxidantes, estas substâncias combaterão os radicais livres e poderão prevenir a todos nós dos males que foram mencionados acima, inclusive e principalmente do envelhecimento.

Sim, envelhecer é natural, mas não precisamos acelerar seu aparecimento, ou seja, nós estamos aqui a falar do envelhecimento precoce. A amora silvestre é rica em antioxidantes e têm entre seus benefícios e propriedades a condição de auxiliar a prevenir os males trazidos pelos radicais livres.

Um simples suco de amora silvestre pode muito bem dar conta do recado. A receita é muito simples: misture duas chávenas de amoras silvestres muito bem lavadas em 400 mililitros de água e açúcar ou mel a gosto, bater tudo no liquidificador e é só beber.

Benefícios e propriedades medicinais da amoreira silvestre

Que o fruto é saboroso todo mundo já sabia. Agora ficamos sabendo que é também ótimo para a saúde, do ponto de vista preventivo, as folhas, a casca, e as raízes da amoreira silvestre contêm maior potencial curativo. Os taninos adstringentes na planta contraem os vasos sanguíneos, o que permite principalmente a regulação térmica do organismo.

Um chá muito gostoso e sem contraindicações pode ser obtido com 1 a 2 colheres das de chá de folhas secas cortadas da amoreira silvestre, raiz em pó ou pó de casca colocados a ferver em um copo de água. Beber umas duas colheres das de chá dessa infusão todo dia é extremamente benéfico para a saúde, pois a grande concentração de vitamina C vai trazer ao organismo os seguintes benefícios: colaborar para o bom funcionamento geral do organismo; proteger contra baixa imunidade, contra doenças cardiovasculares, doenças dos olhos e até envelhecimento da pele; ajudar a fortalecer os vasos sanguíneos; ajudar a regular os níveis de colesterol; colaborar para reduzir o risco de contrair pneumonia e infecções pulmonares quando se apanha um resfriado ou uma gripe.