sábado, 17 de novembro de 2018

DANÇA DO VENTRE. MELHORE SUA AUTOESTIMA DANÇANDO

 Arte milenar ligada à fertilidade e sensualidade, a dança do ventre mistura movimentos fascinantes e inúmeros benefícios ao corpo e à mente. Com uma roupa cheia de adornos e apetrechos que tornam a dança mais envolvente a cada movimento.
Dançarina e professora de dança do ventre Sofia Fahd
A dança do ventre auxilia no processo de desinibição e superação da timidez, resgata a feminilidade, desenvolve a expressão, ajuda na depressão, diminui o estresse, promove o emagrecimento (perde-se até 500 calorias por aula), aumenta a resistência física, alonga, enrijece e tonifica vários grupos musculares, afina a cintura, fortalece a musculatura pélvica, trabalha o equilíbrio, reduz sintomas de TPM e das cólicas menstruais.
Dançarina de dança do ventre Aisha Fahd
Outros benefícios da dança do ventre:
1. Fortalece a memória, previne o Mal de Parkinson e Alzheimer.
2. Estimula a sensualidade e melhora a autoestima.
3. Combate a depressão, estimula o convívio social e a alegria de viver.
4. Dá vitalidade e alivia os sintomas da menopausa.
5. Relaxa o corpo, alivia a insônia e combate o estresse.
6. Melhora articulações e o tônus muscular.
7. Aumenta a feminilidade, a vaidade e a autoestima.
8. Alivia o mal-estar e a prisão de ventre.

domingo, 11 de novembro de 2018

Como fazer a dieta da água com limão para emagrecer

O suco de limão é uma grande ajuda para emagrecer porque desintoxica o organismo, desincha e aumenta a sensação de saciedade. Além disso limpa também o paladar, tirando a vontade de comer alimentos doces que engordam ou prejudicam a dieta. Para ter esses benefícios, basta utilizar uma das seguintes opções:
Espremer meio limão em um copo de água e beber meia hora antes do café da manhã, do almoço e do jantar;
Colocar 1 limão em rodelas na garrafa de água e ir bebendo durante o dia.
Todas as variedades do limão podem ser utilizadas, e essa fruta também tem propriedades que ajudam a fortalecer o sistema imunológico, proteger o corpo doenças como gripes e resfriados e evitar o envelhecimento precoce e alcalinizar o sangue, o que o torna um excelente antioxidante.

Como fazer a dieta da água com limão para emagrecer
Com a dieta do limão, pode-se emagrecer de 2 a 8 kg por mês, principalmente quando associada a uma dieta para emagrecer e à prática regular de exercícios físicos. Use a nossa calculadora para saber quanto peso precisa perder:
Como fazer a dieta do limão em jejum
A maneira correta de usar o limão para emagrecer é espremer meio limão em um copo de água e beber logo em seguida, sem adicionar açúcar. Deve-se fazer isso logo após acordar em jejum, cerca de 30 minutos antes de tomar o café da manhã, utilizando água morna. Essa mistura irá ajudar a limpar o intestino, eliminando o excesso de gordura e de muco que se acumula nesse órgão.

O limão também pode ser tomado antes das refeições principais, mas com água gelada. A água gelada faz com que o organismo tenha que gastar mais energia para aquecê-la, queimando algumas calorias a mais, o que também ajuda a emagrecer. Outra opção é adicionar raspas de gengibre ao suco, pois essa raiz também tem propriedades que ajudam na perda de peso.

Benefícios do suco de limão em jejum
Além de ajudar a emagrecer, os benefícios do limão em jejum são:

Fortalecer o sistema imune e proteger o organismo contra gripes e resfriados;
Ajudar a eliminar as toxinas do corpo;
Evitar doenças como câncer e envelhecimento precoce;
Reduzir a acidez corporal, melhorando o metabolismo do corpo.
Todas as variedades de limão trazem esses benefícios, e também podem ser usadas para temperar saladas, carnes e peixes, o que ajuda aumentar o consumo dessa fruta. Confira outras frutas que podem ser usadas para emagrecer mais rápido.

IMPORTANTE: Antes de iniciar qualquer tratamento, procure um médico de sua confiança.

Quiabo ajuda a emagrecer e controla o diabetes

Incluir o quiabo na dieta alimenta, pode não ser uma opção aceitável para alguns, porém, gostando ou não, o quiabo é uma excelente opção para quem sofre com o diabetes.

O quiabo é um vegetal pobre em calorias e rico em fibras, sendo uma ótima opção para incluir em dietas de emagrecimento. Além disso, o quiabo também é bastante utilizado para auxiliar no controle do diabetes, pois ajuda a regular os níveis de açúcar no sangue.
O quiabo é bastante utilizado em pratos típicos no Brasil, e seu consumo traz benefícios como:

Ajudar a emagrecer, por conter poucas calorias e ser rico em fibras, o que aumenta a sensação de saciedade;
Controlar os níveis de açúcar no sangue, devido ao seu baixo teor de carboidratos e alta presença de fibras;
Melhorar o trânsito intestinal, devido à sua elevada presença de fibras;
Ajudar a controlar os níveis de colesterol, por conter fibras solúveis, que diminuem a absorção de gorduras no intestino;
Reduzir o estresse e ajudar a relaxar, por ser rico em magnésio;
Prevenir anemias, por conter ácido fólico;
Manter a saúde dos ossos, por ser rico em cálcio.

Quiabo ajuda a relaxar e controlar diabetes
Para obter esses benefícios, deve-se incluir o quiabo na rotina alimentar, podendo ser incluído em sopas, refogados, sucos e saladas.

Muitos nutrientes estão presentes na baba do quiabo, mas ela nem sempre agrada o paladar. Para retirá-la, uma dica é cortar a ponta dos quiabos e deixá-los de molho em água com limão ou vinagre por 30 minutos. Em seguida, deve-se lavar e secar os quiabos, e utilizá-los da forma que desejar.

Receita de Frango com Quiabo

Ingredientes:
1 frango inteiro, com cerca de 1,5 kg
200 g de quiabo
2 limões 
1 cebola picada
1 tomate picado
5 dentes de alho 
1 pimentão picado 
1/4 de xícara de chá de azeite 
1 colher de chá de cominho em pó
sal, pimenta-do-reino e cheiro-verde a gosto
Modo de preparo:
Temperar o frango com cebola, alho, pimentão e tomate e reservar. Se quiser o quiabo sem baba, deve deixá-lo de molho em água com o suco dos limões por cerca de 20 a 30 minutos. Levar o frango para refogar em fogo médio e quando estiver branco, adicionar água para cozinhar. Adicionar sal, pimenta e cheiro verde a gosto para temperar. Cortar o quiabo em cubos e após 20 minutos de cozimento frango, adicioná-los à panela e deixar cozinhar por mais 20 minutos. Retirar do fogo e servir ainda quente.

domingo, 4 de novembro de 2018

Canapum e seus benefícios

Não sei vocês, mas eu cresci esperando o inverno chegar pra poder procurar Canapum na vegetação que crescia na minha rua, aquilo era como ouro...Fora a diversão que era estourar eles depois de inflada a folha que o envolve, hoje vamos conhecer um pouco mais sobre essa fruta presente na minha infância.

Canapum, fisalis ou juá-de-capote é muito comum aqui no nosso país, em diversas regiões. Na verdade, são duas as espécies: o Camapu (Physalis pubescens) e o Juá de capote (Physalis angulata), com diferentes características que podem ser facilmente cultivadas aqui.
Mas, o interessante é que a ciência está estudando esta planta pois, ela ajuda na recuperação dos neurônios e, portanto, das doenças neuro-degenerativas como o Alzheimer, o Parkinson e diversas outras.

Pesquisadores do Pará descobriram que uma das substâncias que o canapum (Physalis pubescens) contém no talo da planta tem a potencialidade de estimular a produção de novos neurônios no hipocampo - o hipocampo é a área do nosso cérebro que está ligada à memória - e buscam desenvolver medicamentos fitoterápicos que possam ser aplicados aos seres humanos pois, por enquanto a pesquisa se limita a outros animais. Esta pesquisa também aponta a possibilidade de que estes medicamentos possam ser usados para os que sofrem de depressão grave, onde há perda neuronal.

“A notícia é muito boa, principalmente pelo fato de esta substância estimular o crescimento neuronal na área do hipocampo. A gente está falando da criação de novos neurônios, algo que algum tempo atrás não se falava”, diz Milton Nascimento dos Santos, do Grupo de Pesquisas Bioprospecção de Moléculas Ativas da Flora Amazônica da da Universidade Federal do Pará.

Essas propriedades neurogênicas do camapu foram testadas em laboratório e em ratos e agora iniciam-se os testes clínicos e de produção a larga escala, para subsidiar a indústria farmacêutica nacional.

Mas, pelo visto, essa substância do talo do camapu é muito complexa e há dificuldades na sua sintetização, mas a planta é de fácil reprodução, com ciclo bianual. “A substância pode ser uma maravilha, mas se só é produzida pela planta uma vez por ano, a produção de fitoterápicos ficaria inviável”, diz Silva. 


PROPRIEDADES MEDICINAIS DO CANAPUM
O canapum tem outras propriedades medicinais reconhecidas - é anti-inflamatório e anti-protozoário (inclusive há dados de que seu uso pode ajudar a tratar aqueles que sofrem de Mal de Chagas).

A descoberta da substância que faz com que os neurônios se regenerem foi uma casualidade da pesquisa, que apontava seus estudos para estes outros aspectos curativos do camapu.

Há mais estudos sobre as propriedades medicinais da Physalis angulata, que é conhecida como purificadora do sangue, fortalecedora do sistema imunológico e redutora das taxas de colesterol, dentre vários outros usos.

Aqui há uma tabela, com referências bibliográficas, que aponta o uso detalhado dessa espécie de fisalis, onde se mencionam qualidades calmantes, depurativas, desobstruintes, diurética, antioxidante, antibacteriana, antitumoral e outras.

CANAPUM NO JARDIM
Mas, caso você queira ter um pé de camapu, ou de juá-de-capote, a recomendação é de que não jogue as sementes na sua horta. Essa planta é bastante agressiva em seu crescimento e vai ocupar todo o espaço, passando por cima das outras plantas, com certeza. Então, faça um canteiro só para a sua fisalis, essa é a dica. Você pode comprar as frutinhas no mercado e separar as sementes, deixá-las secar e semear em terra fértil.

sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Benefícios do chá da malva do reino

A malva do reino é rica em benefícios para saúde, seu poder  medicinal  auxilia na prevenção de varias doenças, já que a mesma possuem propriedade antibacteriana; anti-inflamatória; antifebril; antisséptica: antimicrobiana; balsâmica; diaforética e diversos outros benefícios que são excelentes para saúde humana. Conhecida também por diversos outros nomes como: hortelã da folha grossa, malva do reino, hortelã gorda, hortelã-graúdo, hortelã da folha grande. Seu nome científico é Plectranthus amboinicus (Lour.) Spreng,  rica em flavonoide, contém princípios ativos e  nutrientes capazes de prevenir varias doenças.
Para compreender melhor o que faz o chá de malva do reino ser tão benéfico, considere que ela possui vitamina A, vitamina B1, vitamina B2 e vitamina C, flavonoides, mucilagem e carotenos. Assim, entre suas maiores propriedades, o Chá de Malva do Reino é antioxidante, importante para combater os radicais livres, o envelhecimento precoce e o aparecimento de sinais de idade. Então confira agora os Benefícios do Chá de Malva do Reino Para Saúde:

1- Benefícios da malva do reino como um adstringente:
Com propriedade cicatrizante, o chá de malva do reino ajuda a evitar infecções.

2- Ajuda a evitar o envelhecimento precoce:
Os radicais livres são combatidos com o efeito antioxidante do chá de malva do reino, trabalhando para que os sinais de idade demorem a aparecer.

3- Benefícios do chá de malva do reino para seu bicho de estimação:
Essa é um bônus: sim, seu animal pode se beneficiar também! Muitos bichinhos gostam de comer folhas ou flores para se livrar de dores estomacais e, se o Chá de Malva do Reino faz bem nisso para nós, humanos, para os cachorros e gatos serve da mesma forma, aliviando gases e auxiliando na prisão de ventre.

4- Auxilia no tratamento da candidíase vaginal:
Como o chá combate o fungo Candida, causador da candidíase, seu consumo é indicado como auxiliar no tratamento do problema, que atinge boa parte das mulheres adultas.

5- Benefícios do chá de malva do reino como diurética:
Por possuir efeito diurético, o chá de malva do reino faz com que o organismo elimine muito mais urina durante o dia, o que ajuda a prevenir a sensação de inchaço causada pela retenção de líquidos, bem como expulsa toxinas presentes no corpo. Tudo isso faz com que o Chá de Malva do Reino para infecção urinária seja eficiente.

6- Benefícios do chá de malva do reino para saúde da pele:
Se quiser acalmar a pele por mordida, furúnculos ou queimaduras leves, a malva do reino funciona muitíssimo bem! Basta fazer compressas ou emplastos e aplicar sobre a área afetada, rapidamente o chá de malva do reino elimina a dor do local.

7- Tem um poder cicatrizante:
As propriedades do chá de malva do reino também ajudam a prevenir infecções.

8- Benefícios do chá de malva do reino como um laxante:
O Chá de Malva do Reino, por conta de sua propriedade laxativa, é indicada para pessoas que sofrem com prisão de ventre, já que ele mantém o intestino em bom funcionamento.

10- Ajuda a combater problemas bucais:
Usada como gargarejo ou bochecho (com o chá no estado morno a gelado), serve como alívio para aftas, problemas nas gengivas e gargantas, pois tem ação bactericida e desinfetante. Sua utilização deve ser de duas a três vezes por dia.

11- Benefícios do chá de malva do reino como antioxidante:
A propriedade antioxidante do chá de malva do reino auxilia, principalmente, no combate dos radicais livres que estamos expostos. Além disso, você pode usá-la para evitar o envelhecimento precoce, linhas de expressão e entre outros sinais de idade.

12- Evita o mau hálito:
Por suas propriedades antissépticas, o chá de malva do reino pode ser usado como um enxaguante bucal natural para prevenir o mau hálito.
13- Benefícios do chá de malva do reino como um expectorante:
Quem possui problemas respiratórios ou pulmonares pode usufruir dos benefícios promovidos pela ação expectorante do chá de malva do reino. Além de combater e prevenir gripes, a bebida dessa planta ajuda a tratar tosses, resfriados, bronquites, faringites, catarros e infecções de garganta e laringe.

14- Combate os problemas respiratórios:
O chá tem efeito expectorante, isso ajuda a quem está com o nariz ou a garganta congestionados e com tosses, auxiliando em gripes, resfriados, bronquites, faringites e sinusites. Para quem quer prevenir, também vale tomar o chá.

15- Benefícios do chá de malva do reino como um emoliente:
Se você sofre com úlceras ou gastrites, então temos outro efeito benéfico do chá de malva do reino: ele é um poderoso anti-inflamatório.

Como fazer o chá de malva do reino:
As partes da malva do reino usadas para fins medicinais são suas folhas e flores para chás ou infusões.

Para o chá: Colocar 2 colheres (de sopa) de folhas secas de malva do reino em uma xícara de água fervente.
Deixar repousar por 10 minutos.
Coar e beber 3 vezes ao dia.

Antes de começar qualquer tratamento, procure orientação médica.