quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Pitomba, boa pra saúde e para a natureza

A pitomba é uma fruta originária do Brasil, que é bastante difundida na região Norte e Nordeste é facilmente encontrada, nas ruas e em feiras.

Além disso, a pitomba também é conhecida pelos nomes de olho-de-boi e caruiri e é pertencente à mesma família da jabuticaba. Sua polpa é descrita como esbranquiçada, levemente ácida, doce e dona de um sabor agradável.
1- Fonte de nutrientes
A pitomba serve como fonte de nutrientes importantes para o funcionamento do nosso organismo como fibras, ferro, cálcio, potássio, vitamina A e vitamina C.

2- Rica em vitamina C
A fruta é um alimento rico em vitamina C. De acordo com informações do Centro Médico da Universidade de Maryland, o nutriente é requerido pelo organismo para o crescimento e a reparação de tecidos espalhados por todo o corpo.

Além disso, o órgão esclareceu que a vitamina C ajuda a produzir o colágeno, uma proteína necessária para a formação da pele, da cartilagem, dos tendões, dos ligamentos e dos vasos sanguíneos.
3- Efeito antioxidante
É justamente por conta da vitamina C que a pitomba possui ação antioxidante.
Os antioxidantes contribuem para o combate aos radicais livres, substâncias maléficas ao organismo que, conforme o Centro Médico a Universidade de Maryland, causam danos ao DNA e cujo acúmulo ao longo do tempo pode contribuir com o processo de envelhecimento e com o desenvolvimento de problemas de saúde como câncer, artrite e doença no coração. 

4- Recuperação de áreas degradadas 
A árvore da pitomba – a pitombeira – pode ser empregada na recuperação de áreas degradadas, graças ao fato de servir de alimentação para diversas espécies de aves.

5- Combate ao apodrecimento do couro
Por conta da presença de tanino em sua composição, as folhas da pitomba são utilizadas para impedir que o couro apodreça ao ser curtido.

6- Combate a fungos e carunchos em plantações
Estudos já mostraram que uma proteína retirada da pitomba promete ser eficiente para combater fungos e carunchos em plantações de cana-de-açúcar e café, além de grãos de feijão e de soja que ficam estocados.

7- Arborização
A árvore da pitombeira também pode ser utilizada na arborização de parques e praças.