quinta-feira, 18 de outubro de 2018

O que são alimentos construtores?

Você sabe o que é ou já ouviu falar em alimentos construtores? Com a função de construir novos tecidos no organismo, eles são ricos em proteínas e muito usados na dieta de quem deseja ganhar mais musculatura - como é o caso de muitos atletas - e ainda ajudam na cicatrização da pele. E não para por aí: eles também aumentam a imunidade e são fundamentais para regular o metabolismo. Descubra por que acrescentá-los no seu cardápio:
Melhora no metabolismo, aumento da imunidade e formação de tecidos estão entre os benefícios dos alimentos construtores
Os alimentos conhecidos como construtores são aqueles ricos em proteínas - como ovos, leite, oleaginosas, sementes e carnes, por exemplo. Eles são indispensáveis na dieta de qualquer pessoa por ajudarem a regular o metabolismo auxiliando na formação de hormônios, além de também funcionarem como aliados na prevenção de certas doenças por contribuírem com o aumento da imunidade.

No caso dos atletas e pessoas em geral que desejam aumentar a massa muscular, os alimentos com essa classificação são ainda mais comuns no cardápio. Isso se deve ao fato de eles ajudarem a formar novos tecidos musculares - o que, aliado aos exercícios físicos certos, contribui para a hipertrofia - ou seja, o aumento do tamanho dos músculos. Além desse, outro benefício dos alimentos construtores é direcionado para quem acabou de passar por uma cirurgia ou está com uma ferida e deseja acelerar a cicatrização, já que também auxilia na formação de tecidos epiteliais.

Consumo de alimentos construtores faz bem para crianças e idosos
Como uma das funções dos alimentos construtores é contribuir para o crescimento do corpo, eles são indispensáveis na dieta das crianças e adolescentes. O motivo? É porque fazendo parte da dieta diária, eles entregam os nutrientes necessários para que elas cresçam fortes e saudáveis. E esse mesmo benefício também vale para as grávidas, que precisam investir em alimentos que favoreçam o desenvolvimento do feto durante a gestação.

Já para os idosos, os construtores são indicados por ajudarem a impedir a perda da massa muscular. Sendo assim, para quem já deseja prevenir o problema, a dica é seguir uma dieta que conte com alimentos ricos em proteínas para que se formem novos tecidos musculares.

Alimentos construtores podem ser de origem animal ou vegetal
Os alimentos construtores podem ser divididos em dois grupos - os que contam com proteínas de origem animal e os que entregam esse nutriente através das de origem vegetal. Os primeiros são completos por terem todos os aminoácidos que o corpo precisa, enquanto os segundos são considerados incompletos por não contarem com todos eles em sua composição.

Lista de Alimentos Construtores
Os alimentos construtores são ricos em proteína, como:

Carnes, peixes e frango;
Ovo;
Leite e derivados, como iogurte e queijo;
Leguminosas como amendoim, feijão, soja, lentilha e grão-de-bico;
Quinoa;
Oleaginosas como castanha de caju, amêndoas, avelã e nozes;
Sementes, como gergelim e linhaça.

Esses alimentos devem ser consumidos diariamente para manter o bom funcionamento do organismo, sendo importante lembrar que pessoas vegetarianas devem ter especial cuidado para consumir fontes vegetais ricas em proteínas, de preferência de acordo com a orientação do nutricionista.